fbpx
Connect with us
ads

NACIONAL

Bomba: Secretário de Saúde é suspeito de estuprar e engravidar menina de 13 anos no Amazonas

Published

on

Uma criança de 13 anos que mora na comunidade Vista Alegre, no município de Borba (a 151 quilômetros de Manaus), está grávida de dois meses após ser estuprada. O suspeito de cometer o abuso sexual é Alberth Antunes de Souza Campos, 29, titular da Secretaria Municipal de Saúde. As informações são do site Diário Manauara.

O Conselho Tutelar informou que a denúncia foi formalizada pela mãe da vítima na última sexta-feira (23), com a presença da criança, mas preferiu não dar mais detalhes.

Após serem ouvidas, o Conselho Tutelar encaminhou a queixa para o Ministério Público do Amazonas (MP-AM) e registrou o acontecimento na 74ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Borba.

Denúncia

O caso teria sido descoberto pela genitora ao ler mensagens do denunciado marcando encontros com a criança. Os abusos sexuais aconteciam desde maio e seriam agenciados por uma mulher, identificada apenas como “Jaquiane”.

Em depoimento, a menor disse que Jaquiane era responsável por marcar os encontros sexuais com Alberth Antunes, quase que diariamente. A criança revelou, ainda, que os atos libidinosos aconteciam nas proximidades do Balneário do Lira. Em um dos encontros, o secretário Alberth Antunes chegou a dar dinheiro para a menina.

No inquérito policial, a mãe declarou que entregou a filha aos cuidados de Jaquiane por não ter condições financeiras, sem imaginar que a criança seria abusada sexualmente.  A genitora está grávida do oitavo filho e a vítima passa por acompanhamento psicológico.

Ao Portal Diário Manauara, uma moradora ligada à família da vítima, que preferiu não se identificar, explicou que Alberth Antunes ofereceu R$ 20 mil para aos responsáveis da criança. O dinheiro seria usado para comprar o silêncio e remédios para a interrupção da gravidez.

“Após a menina ficar grávida, Alberth Antunes procurou o padrasto e a mãe da menina, alegando que não era o pai e afirmou que o verdadeiro pai seria algum namoradinho. Mesmo assim, ele ofereceu R$ 20 mil para comprar o silêncio, e que fosse feito o aborto”, declarou uma fonte ao Portal Diário Manauara.

As informações obtidas pela reportagem são que outra menor engravidou de Alberth Antunes, também agenciada por Jaquiane. No interrogatório, a menina contou que a babá (Jaquiane) chegou a falar que a denúncia feita ao Conselho Tutelar não daria em nada.

Conforme a denunciante, Alberth Antunes é cunhado do prefeito Simão Peixoto, e cirurgião dentista formado pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA), especializando em endodontia pelo grupo PGEndo-UEA.

A nomeação para o cargo de Secretário Municipal de Saúde consta no Diário Oficial Eletrônico dos Municípios do Estado do Amazonas, datado em 24 de Fevereiro de 2021 – Ano: XII / Número: 2808.

Confira:

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO PORTARIA Nº. 0177/2020-SEMSA.

O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE , no uso de suas atribuições legais que lhes são conferidas por LEI, CONSIDERANDO, a necessidade da contratação de Vigia CONSIDERANDO para atuar nas Unidades de Saúde do Município, lotada na Secretaria Municipal de Saúde. CONSIDERANDO finalmente, o que preceitua a Lei Muni CONSIDERANDO cipal 160/2015 de 16 de Dezembro de 2015.

ECA

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), regulamentado pela Lei Federal nº 8.069/1990, é o principal marco legal e regulatório dos direitos das crianças e dos adolescentes no Brasil. Já em seu artigo 1º, o ECA define-se como uma lei que dispõe sobre a proteção integral à criança e ao adolescente.

O crime de estupro de vulnerável se configura com a conjunção carnal ou prática de ato libidinoso com menor de 14 anos, sendo irrelevante eventual consentimento da vítima para a prática do ato, sua experiência sexual anterior ou existência de relacionamento amoroso com o agente. Ou seja, menores não tem capacidade para permitir relações sexuais.

Fonte: CM7

Continue Reading
Advertisement
Comments