fbpx
Connect with us
ads

Polícia

Dupla suspeita de ter assassinado policial militar em conveniência se entrega à polícia

Published

on

A dupla suspeita de ter assassinado o policial militar Roberto Rodrigues de Souza, 31 anos, durante uma briga em uma conveniência, se entregou à Polícia Civil na noite desta quarta-feira (4), em Cuiabá. O crime ocorreu no dia 26 de julho, na cidade de Várzea Grande. 

Wesdra Victor Galvão de Souza, 29 anos, e Alan Patric Schuller, 27 anos, chegaram acompanhados de advogados e deverão prestar depoimento sobre o crime.

O soldado da PM morreu depois de ser agredido com socos e chutes pela dupla. Na ocasião, ele  chegou a ser socorrido mas devido a um traumatismo craniano não resistiu. Veja a cena do crime no vídeo abaixo:

Conforme o boletim de ocorrência, naquela madrugada, o agente estava com alguns amigos em um carro quando disse que precisava parar em algum lugar para ir ao banheiro. Eles então pararam na distribuidora. Rodrigues foi ao banheiro e os colegas ficaram aguardando no veículo.

Imagens obtidas em primeira mão pelo HiperNotícias flagraram o momento em que a confusão começou. Nas imagens, é possível ver um dos assassinos se dirigindo ao banheiro do estabelecimento acompanhado de uma mulher. Logo depois, o militar vai ao cômodo e tenta abrir a porta. Entretanto, Roberto não conseguiu entrar.

Visivelmente incomodado, o militar abre a porta novamente, mas fecha rapidamente. Na sequência, o assassino sai do banheiro e o militar entra. O criminoso vai à pia do estabelecimento e é possível ver uma discussão entre ambos.

Alan Patric Schuller tem diversas passagens criminais por roubo e por envolvimento com o crime organizado. Em 2013, Alan foi preso pela Polícia Militar suspeito de ter invadido uma residência e roubado uma família. Na ocasião, com ajuda de um comparsa, o criminoso rendeu cinco pessoas e fez outras duas reféns.

Fonte: Híper Notícias

Continue Reading
Advertisement
Comments