fbpx
Connect with us
ads

Polícia

Filha de bispo é achada carbonizada dentro de casa em SC

Published

on


A Polícia Civil de Santa Catarina prendeu na quarta-feira (31), em Descanso, a cerca de 600 km de Florianópolis, um homem suspeito de matar carbonizada a cunhada, a auxiliar administrativo Mauriceia Estraich, de 21 anos. As informações são do UOL.

Mauriceia é filha de um bispo da Igreja Católica Apostólica Doutrina em Cristo e foi encontrada morta no domingo (28), dentro da própria casa, incendiada. A polícia suspeita que o fogo tenha sido provocado propositalmente no imóvel, de acordo com o delegado Cléverson Muller.

Segundo a reportagem, o corpo da jovem tinha lesões de agressões físicas pelo corpo, o que não é comum para vítimas carbonizadas, de acordo com a polícia.

A perícia ainda apontou que Mauriceia inalou fumaça antes de morrer, o que indica que estava viva quando as chamas começaram. Por conta disso, a investigação trata a morte como feminicídio, com uso de fogo.

O cunhado da vítima foi preso após tentativa de fuga para não comparecer à delegacia para ser ouvido e por contradições durante o depoimento. Ele é irmão do namorado da vítima, que não estava na casa durante o crime.

A Justiça decretou prisão temporária do suspeito com base nas provas apresentadas pela delegacia de Descanso. “Esse suspeito esteve na residência antes do horário do início do incêndio. É um fato importante que concenceu a Justiça pelo mandado de prisão temporária. Além disso, dois cachorros da vítima se salvaram, saindo da casa. Com isso, reforça a tese de que em algum momento essa porta foi aberta antes do incêndio. Outro fato é o de que o suspeito sabia que a vítima estava sozinha no imóvel”, disse o delegado. Fonte: MSN

Continue Reading
Advertisement
Comments