O engenheiro civil Ernani Pedrotti, 62 anos, faleceu essa madrugada, em sua residência. Ele teve infarto enquanto dormia, foi socorrido mas não resistiu. O filho, Henrique Pedrotti, informou que ele passou bem o sábado e não teria reclamado de dores.

Ernani fundou a Construtora Impacto, morava em Sinop há cerca de 40 anos, sendo pioneiro no setor de engenharia no município. Com sua empresa, participou da construção de grandes obras como o estádio municipal Gigante do Norte, a praça da Bíblia (centro da cidade), a câmara municipal, sede da Embrapa, uma ala da Unemat, além de escolas e creches.

Ele também planejou, de forma gratuita, a sede atual da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas). Em municípios da região também fez muitas obras.

“Foi uma pessoa que amava muito Sinop, lugar que escolheu para viver. Temos muito orgulho do seu trabalho e nos deixa um grande legado”, descreveu, o filho, Henrique, engenheiro aeronáutico.

Ernani era casado e tinha dois filhos. O velório foi no memorial Luz e Vida. O sepultamento ocorreu no final da tarde, em Sinop.