fbpx
Connect with us
ads

Geral

Preso homem suspeito de matar a tiros candidato a vereador durante atividade de campanha no RS

Published

on

Foi preso hoje, quarta-feira (28), temporariamente, pela Polícia Civil, o suspeito de assassinar a tiros João Carraro, de 63 anos, candidato a vereador no município de Flores da Cunha, no estado do Rio Grande do Sul.

O suposto atirador, um homem de 44 anos, foi encontrado no bairro Vindima, na cidade da serra gaúcha, com ele estava o carro que teria sido usado no crime.

A Polícia informou que a motivação foi pessoal e não teria ligações com o pleito eleitoral.

O caso está sob investigação do delegado Rodrigo Duarte. Não foi informado pela Polícia, qual seria a ligação entre o suspeito e a vitima.

Assassinato

Na tarde de ontem, terça-feira (27), João Carraro, candidato a vereador no município de Flores da Cunha, no estado do Rio Grande do Sul, foi assassinado com tiros de arma de fogo no momento em que estava fazendo atividade de campanha na localidade de Lagoa Bela, interior do município.

De acordo com Rodrigo Duarte, delegado que registrou o caso, o candidato estacionou seu veículo em frente a uma residência e, assim que desceu, outro carro que vinha parou, um homem desceu e atirou cinco vezes contra a vítima, que morreu no local.

Segundo as informações, o atirador estaria sozinho no veículo.

Entre os anos de 2005 e 2008., João Carraro já havia sido vereador em Flores da Cunha pelo PDT e nesse ano, estava em campanha pelo PSB.

João Carraro, candidato pelo PSB, foi morto a tiros em Flores da Cunha — Foto: Divulgação/Câmara de Vereadores de Flores da Cunha

Continue Reading
Advertisement
Comments