fbpx
Connect with us
ads

Coronavirus

Sem vagas na UTI, Prefeitura de Juruena-MT pode decretar fechamento total do comércio

Published

on

Novas medidas para tentar frear o avanço da pandemia da Covid-19 devem chegar à cidade de Juruena (883 km de Cuiabá). A expectativa é que a cidade seja a primeira do estado a decretar o fechamento total do comércio, após a segunda onda da Covid-19. Para o prefeito do município, Manoel Garça Branca (DEM), a possibilidade não está descartada frente a alta nos números de ocupação dos leitos e de infectados pelo vírus. 

“A medida poderá ser tomada por conta do aumento expressivo de casos, infelizmente os números subiram e as UTIs não tem mais vagas. Por enquanto, ainda não há uma decisão quanto ao lockdown, mas não está descartado”, comentou Branco em entrevista à nossa equipe de reportagem. 

Ainda de acordo com o prefeito, a medida está sendo estudada junto de diversos setores da sociedade. “Estamos estudando e discutindo com diversos setores da sociedade para saber qual o melhor caminho”, disse. 

A expectativa é que o anúncio chegue já nesta terça-feira (23), por meio de um decreto. Se a medida for estabelecida, apenas os estabelecimentos essenciais poderam ficar abertos, como farmácias por exemplo. 

Com uma população estimada em 16.335, segundo números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o município registrou 608 casos confirmados e 11 óbitos. De acordo com dados do Painel Informativo, atualizado diariamente pela Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso (Ses-MT), a doença já atinge um índice de mortalidade de 69,34 por 100 mil habitantes. 

Em todo o estado, já são mais de 240 mil casos confirmados e 5.651 óbitos registrados. Com a alta nos números, é esperado que outros municípios também tomem medidas parecidas. 

Fonte: Olhar Direto

Continue Reading
Advertisement
Comments