fbpx
Connect with us
ads

Polícia

Suspeito de torturar, arrancar dentes e matar homem é preso em MT; vítima teria se envolvido com esposa de membro de facção criminosa

Published

on

No fim da tarde de ontem, quinta-feira (05), o terceiro suspeito de ter envolvimento na execução de Márcio Andreotti, de 33 anos, se apresentou no batalhão da Polícia Militar em Cuiabá. De acordo com as informações, a vítima foi esfaqueada e teve os dentes arrancados depois de um “salve” de uma facção criminosa, depois de, possivelmente, ter se envolvido com esposa de um dos membros da organização. 

O suspeito não teve o nome divulgado, tem 24 anos e mora no Distrito da Guia, a cerca de 40 km de Cuiabá. Alguns moradores da região acionaram a Polícia Militar informando que o rapaz havia cometido um homicídio em Arenápolis ( a 234 km de Cuiabá).

Ele foi encontrado transitando em uma chácara, próximo a um posto de combustível. Enquanto os agentes se aproximavam da residência, o suspeito percebeu a movimentação dos militares e efetuou diversos disparos contra a guarnição, que revidou a injusta agressão.

Em seguida, o suspeito fugiu para uma região de mata e não foi mais localizado. Durante uma varredura na residência da chácara foi encontrado uma  espingarda calibre .36 contendo uma munição deflagrada.

Conforme a PM, o suspeito tinha um mandado de prisão em aberto e durante esta tarde, ele se apresentou no 10° Batalhão de Polícia Militar. Ele deverá ser encaminhado à delegacia da Polícia Civil. 

Execução

Após ter sido assassinado, Márcio teve o corpo abandonado em uma região de mata e foi encontrado nesta segunda-feira (2). De acordo com a Polícia Civil, os policiais foram até uma residência no último sábado (31) depois de receberem uma denúncia anônima relatando um homicídio na região.

Redação 163 Notícias/ Híper Notícias

Continue Reading
Advertisement
Comments