fbpx
Connect with us
ads

Polícia

Suspeitos de matar comerciante armada ao reagir assalto em MT são mortos em confronto com a PM

Published

on

Dois jovens suspeitos de participação na morte da comerciante Maria Deuselina Freire Carvalho, de 34 anos, após ela reagir a um assalto, em São José do Rio Claro, a 325 km de Cuiabá, foram mortos em confronto com a Polícia Militar no distrito de Brianorte, a 470 km da capital, na última sexta-feira (2).

Os suspeitos, de 18 e 21 anos, segundo a polícia, invadiram o comércio de Maria no dia 23 de junho. No entanto, a empresária tinha uma arma e apontou contra um dos assaltantes que estavam no estabelecimento. Em seguida, ela foi morta a tiros.

Os dois fugiram do local do crime e eram procurados. O jovem de 18 anos era apontado pela polícia como o autor do crime e já estava com prisão preventiva decretada por latrocínio.

De acordo com a polícia, antes da ocorrência com os militares, os jovens já haviam entrado em confronto com outras equipes da PM.

Na manhã de quinta-feira, eles reagiram a uma tentativa de abordagem atirando na direção dos policiais do núcleo local da polícia e conseguiram fugir, se refugiando em uma área de mata.

No final da tarde do mesmo dia, os policiais receberam reforços da Cavalaria e Força Tática de Nova Mutum, Ciopaer e equipe da Rotam. A operação de buscas aos suspeitos prosseguiu nessa sexta-feira, quando ocorreu outro confronto e os dois foram mortos.

Por se tratar de morte por intervenção de agentes de segurança, a Corregedoria da PM foi informada da ocorrência para que a atuação policial possa ser apurada.

Morte da comerciante

A Polícia Militar informou que, no dia do crime, os assaltantes chegaram no comércio de Maria em uma moto.

Um deles foi até o balcão para anunciar o assalto, entretanto, a comerciante pegou a arma que tinha e apontou contra o suspeito, que também estava arma e atirou contra ela.

A comerciante morreu enquanto era socorrida para uma unidade de saúde.

Fonte: G1

Continue Reading
Advertisement
Comments